Pular para o conteúdo

De perto, ninguém é perfeito

Os Dois Filhos de Joseph(Deux Fils)

Classificação: 12 Anos

Estréia: 13 de Fevereiro de 2019

Genêro: Comédia dramática

Nacionalidade: Francesa

Duração: 90 min.

Nota do crítico

Crítica

Não é incomum que as pessoas amadas sejam idealizadas, independentemente da natureza deste amor. Aos treze anos, Ivan (Mathieu Capella) tem em seu pai (Benoît Poelvoorde, de Coco Antes de Chanel) e seu irmão (Vincent Lacoste, de Conquistar, Amar e Viver Intensamente) os modelos daquilo que ele próprio deseja se tornar no futuro, exigindo de si mesmo a perfeição que enxerga em ambos.

Ao passar pelo processo de luto, Joseph decide que precisa seguir os seus sonhos antes que seja tarde demais, abandonando uma carreira estável e promissora para se dedicar à sua paixão: a poesia. Do mesmo modo que seu pai, Joachim também passa por momentos nos quais questiona os rumos escolhidos para sua vida. Convivendo com as crises existenciais de ambos, Ivan se sente perdido ao entender que seu pai e seu irmão também possuem dúvidas e fragilidades como todas as outras  pessoas. Inseguro, o garoto passa a adotar uma postura rebelde e hostil em relação à sua família.

A trama desenrolada na tela nos leva a acompanhar o processo de amadurecimento de Ivan. À medida que o garoto compreende as falhas e fraquezas de seus familiares, abandonando a idealização e passando a enxergar essas pessoas como elas realmente são, ele também adota um novo olhar sobre si mesmo.

Ainda que permeado pela melancolia, o longa consegue manter a leveza e o humor na dose certa, sem perder o foco ou cair na caricatura.

Os Dois Filhos de Joseph integra a programação do Festival Varilux de Cinema Francês deste ano, em cartaz na rede Cinépolis do Natal Shopping até o dia 19 de Junho.

Confira todos os filmes exibidos nesta edição:

Saiu a programação completa do Festival Varilux de Cinema Francês em Natal

Notas

Média